Como foi o evento gastronômico no Eau Restaurant no Grand Hyatt São Paulo

Evento gastronômico com Chef renomados agitou o Grand Hyatt São Paulo

No último dia 12 de abril, a equipe do Gordiando foi convidada para participar do evento Grand Table de la Collection com grandes chefes da gastronomia mundial, como o Chef Thierry Buffeteau e o Chef Arnaud Faye com 2 estrelas Michelin. O evento foi realizado no restaurante francês Eau, dentro do Grand Hyatt São Paulo, zona sul de SP.

EventoEauHyatt - Gordiando (7)
Evento gastronômico no Eau Restaurant. Foto: Cynthia Sordi.
Entrada do Grand Hyatt São Paulo. Foto: Cynthia Sordi.
Entrada do Grand Hyatt São Paulo. Foto: Cynthia Sordi.

E como sempre nós vamos contar tudinho como foi!

O QUE SIGNIFICA O GUIA MICHELIN?

O Guia Michelin foi criado em 1900 por André Michelin visando promover o turismo para o mercado automobilístico.

Hoje em dia é o guia mais respeitado do mundo, sendo referência para hotéis e restaurantes. Ganhar as famosas estrelas Michelin que vão de 1 a 3 pode representar um sucesso tanto para o restaurante quanto para o chef.

Desde então o guia está presente na maioria dos países europeus e também no mundo todo.

Já viram né, que ter a oportunidade de conhecer um chef com 2 estralas Michelin é incrível!

Grand Table de la Collection

O evento é uma ação do Grand Hyatt São Paulo em parceria com a CH Events, responsável por promover encontros gastronômicos que privilegiam a culinária de renomados chefs comprometidos com a transparência, o gosto e o respeito pelo produto. Aliás, esta é uma constante preocupação dos Chefs, sempre utilizando produtos obtidos de pequenos produtores para incentivar o crescimento da comunidade local, além de apostar em uma culinária sustentável e uso consciente dos alimentos.

Chef Arnaud Faye e Chef Thierry Buffeteau. Foto: Cynthia Sordi
Chef Arnaud Faye e Chef Thierry Buffeteau. Foto: Cynthia Sordi

Ao chegar ao majestoso Grand Hyatt São Paulo, fomos muito bem recebidos, todas as pessoas que pedimos informações foram extremamente solícitas e educadas, sendo que estavam sempre prontas para resolver qualquer problema naquele exato momento.

Grand Hyatt São Paulo. Foto: Cynthia Sordi
Grand Hyatt São Paulo. Foto: Cynthia Sordi

Seguimos para a ala dos restaurantes e chegamos a uma área reservada para eventos. O local é bem bonito e muito bem cuidado, um luxo! A educação de toda a equipe de funcionários impressiona, é notório o comprometimento de todos visando sempre a qualidade de seus produtos e serviços.

Após os cumprimentos e trâmites do evento, um simpático garçom gentilmente nos ofereceu vinho branco e água. Resolvemos experimentar o vinho branco que estava delicioso, na temperatura ideal e acompanhou perfeitamente os pratos.

O MENU

O Primeiro prato que experimentamos foi assinado e apresentado pelo Chef Thierry Buffeteau, um Terrine de foie gras, geleia de beterraba e Porto, farofa de nozes caramelizadas.

Terrine de foie gras, geleia de beterraba e Porto, farofa de nozes caramelizadas. Foto: Cynthia Sordi
Terrine de foie gras, geleia de beterraba e Porto, farofa de nozes caramelizadas. Foto: Cynthia Sordi

O foie gras (se pronuncia fuagrá) é típico da França, é considerado uma das mais famosas iguarias, participando ativamente da culinária francesa.

O Segundo prato, novamente assinado pelo Chef Thierry Buffeteau, foi de ostras de Santa Catarina, bacon, torresmo e brotos.

Ostras, bacon, torresmo e brotos. Foto: Cynthia Sordi.
Ostras, bacon, torresmo e brotos. Foto: Cynthia Sordi.

O terceiro prato, do Chef Arnaud Faye foi de Siri e vieiras de Picinguaba, crocante de sépia, iogurte e vodka, com tapioca de maçã, flor e brotos e consome inca-inchi. Em nossa opinião foi o melhor prato do evento, muito refrescante e simplesmente maravilhoso em sabor e apresentação. A tapioca de maçã dá o crocante e o adocicado do prato.

Siri e vieiras de Picinguaba, crocante de sépia, iogurte e vodka, com tapioca de maçã, flor e brotos e consome inca-inchi. Foto: Cynthia Sordi.
Siri e vieiras de Picinguaba, crocante de sépia, iogurte e vodka, com tapioca de maçã, flor e brotos e consome inca-inchi. Foto: Cynthia Sordi.

A vieira é um molusco considerado um alimento refinado, de alto valor e muito apreciado pela alta gastronomia.

A região de Ubatuba/SP é conhecida por possuir fazendas marinhas de cultivo de vieiras, mais especificamente na praia de Picinguaba.

O Quarto prato, do Chef Arnaud Faye foi o peixe de anzol do dia, o namorado, textura de couve-flor, molho de cenoura ao curry.

Peixe namorado, textura de couve-flor, molho de cenoura ao curry. Foto: Cynthia Sordi.
Peixe namorado, textura de couve-flor, molho de cenoura ao curry. Foto: Cynthia Sordi.

O quinto prato, do Chef Arnaud Faye foi o cordeiro da Família Quirós em diferentes cocções, acompanhado de abóbora com pimenta doce e coentro.

Cordeiro em diferentes cocções, acompanhado de abóbora com pimenta doce e coentro. Foto: Alvaro Sordi.
Cordeiro em diferentes cocções, acompanhado de abóbora com pimenta doce e coentro. Foto: Alvaro Sordi.
Cordeiro em diferentes cocções, acompanhado de abóbora com pimenta doce e coentro. Foto: Cynthia Sordi.
Cordeiro em diferentes cocções, acompanhado de abóbora com pimenta doce e coentro. Foto: Cynthia Sordi.

A Família Quirós é de origem espanhola e a mais de cem anos possui criação de cordeiros. Hoje no Brasil, a quarta geração continua mostrando como criar a melhor carne de cordeiro.

A apresentação deste prato foi um show a parte. O Chef chegou para explicar sobre o prato com uma abóbora decorada com palha da costa. Realmente nos impressionou e deixou os convidados interessados no que viria a seguir.

Ufa, vamos agora para a Pré-sobremesa, do Chef Arnaud Faye, que foi o coquetel de cítricos e Chartreuse, que estava simplesmente divino! A bebida é digestiva e muito refrescante!

Coquetel de cítricos e Chartreuse. Foto: Cynthia Sordi.
Coquetel de cítricos e Chartreuse. Foto: Cynthia Sordi.

Chartreuse é um licor francês muito conhecido, sendo fabricado dentro de um convento pelos Monges da Grand Charteuse na região de Grenoble, França. Em sua composição tem mais de 14 tipos de ervas.

E por fim, a sobremesa, assinada pelos Chef Thierry Buffeteau e Chef Laura Gonzalez foi um Chiboust de chocolate 75%, sablé Breton, sorvete de cambuci e azeite de oliva, crocante de tapioca. O prato não é muito doce, mas mesmo assim a junção de sabores é perfeita, finalizando perfeitamente este evento da alta gastronomia francesa.

Chiboust de chocolate 75%, sablé Breton, sorvete de cambuci e azeite de oliva, crocante de tapioca. Foto: Cynthia Sordi.
Chiboust de chocolate 75%, sablé Breton, sorvete de cambuci e azeite de oliva, crocante de tapioca. Foto: Cynthia Sordi.

O Cambuci é uma árvore frutífera, dando origem a uma fruta tipicamente brasileira da Mata Atlântica. As frutas tem sabor ácido, são azedinhas, mas bem saborosas.

 Todos os pratos estavam lindos e muito saborosos. Realmente foi uma experiência única e incrível!

ACOMPANHE AS NOVIDADES DO GORDIANDO

Então curta a nossa página no Facebook.

Siga-nos no Twitter.

Veja as nossas fotos no Instagram.

Veja os nossos vídeos no You Tube.

E estamos também no Google+.

PLANEJE A SUA VIAGEM!

Procurando HOSPEDAGEM? Use o Booking| Cancelamento gratuito!

Precisa ALUGAR MALA de viagem? Use a Rent a Bag | 10% de desconto!

Precisa de LACRES para a sua mala? Use os da Rent a Bag | 5% e frete grátis!

Precisa fazer um SEGURO? Use a Mondial Assistance |15% de desconto!




Comentários

Comentários

Posted by Gordiando

Somos o casal Cynthia e Alvaro Sordi apaixonado por viagens, gastronomia, carros e motos. Estamos sempre em busca de novos destinos, novas experiências e diferentes gastronomias. Já conhecemos muitos lugares, mas o mundo é enorme e tem muita coisa ainda para se ver.

Website: http://gordiando.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *